A surpresa do mundo astrológico

 

Desde a antiguidade, o homem vivia precariamente a céu aberto, mas logo passou a perceber a relação entre os fenômenos celestes e os da terra.
Cremos que a astrologia teve sua origem em diferentes regiões do planeta. Pelas informações arqueológicas parece que os primeiros foram os babilônios, os gregos e os caldeus na Mesopotâmia que tiveram contato com a ciência dos astros. Mais adiante temos os chineses, a antiga Índia e as civilizações Maias e norte-americanas que deram início a outras variedades de astrologia.
 
 
Filósofos como Pitágoras e Platão na Grécia, a incorporaram em seus estudos sobre religião e astronomia. A palavra astrologia vem do grego astrom (estrela) e logos (tratado, estudos). A Bíblia nos fala que os reis magos guiados pela estrela foram a Belém onde ocorreu o nascimento de Jesus Cristo, na verdade os tais reis eram astrólogos que se orientaram pelo movimento dos planetas para saber o lugar e a data exata do acontecimento.
No ano de 1230 São Alberto Magno separou a astrologia das associações pagãs da época. Concluiu que a astrologia não tinha influência sobre a alma, senão sobre o corpo e a vontade do ser humano. Os primeiros estudos dos astrólogos foram sobre o influxo da Lua sobre as marés, a agricultura e as emoções humanas. Pouco a pouco foram estudando os diferentes planetas. Aproximadamente no século XIII se descobriram cinco planetas.
No século dezesseis a astrologia e a astronomia eram estudadas como ciências complementares. Galileu Galilei e Nicolau Copérnico a incorporaram a seus diversos tratados. A Igreja através da Inquisição a proibiu e condenou sua prática por crer que era uma arte divinatória e não uma ciência, já que estes astrônomos e outros como Kepler sustentavam que a terra girava ao redor do sol e não o sol ao redor da terra como asseguravam os católicos da época.
 
 
A astrologia é ao mesmo tempo uma ciência e uma arte que estuda a influência dos astros sobre os acontecimentos acerca da vida na Terra. A posição dos astros no momento de nascimento de uma pessoa, animal, país, empresa ou qualquer outra entidade, tem grande influência sobre sua personalidade, saúde, profissão e, portanto em seu destino. No sistema heliocêntrico, os planetas, incluída a Terra, giram ao redor do Sol, para o estudo da astrologia se utiliza o sistema geocêntrico, quer dizer, os planetas giram ao redor da Terra.
Ler 7017 vezes

Popular